Seu navegador não suporta javascript!
Voltar para:  Página Inicial

Chapada dos Veadeiros

Localizada a 200 km de Brasília, no nordeste do Estado de Goiás,  a Chapada dos Veadeiros é um berço de águas. Sua formação rochosa é das mais antigas do planeta. Quartzitos com afloramentos de cristal de rocha com a energia e o poder de cura dos lugares daqui. Originalmente Veadeiros, o município de Alto Paraíso é o que tem maior infra-estrutura para o turismo.

Devido à sua paisagem belíssima e história peculiar, recebe visitantes de todos os lugares do mundo. São cachoeiras, amplas piscinas naturais, cannyons e trilhas. O cerrado de altitude revela suas fisionomias de veredas de buritis, campos úmidos, campos de flores, matas ciliares, de galeria e campos rupestres, pássaros, vida. Turismo ecológico, intermunicipal, centenas de recantos num clima quase sempre ameno, de noites lindas também em São Jorge, Cavalcante, São Domingos, Terra Ronca. A Chapada dos Veadeiros é um corredor ecológico de muitos municípios, povoados, povos.

Durante o dia, caminhadas premiadas com singularidades naturais e refrescantes banhos em cachoeiras. Come-se bem, ouve-se boa música e assimila-se cultura em encontros em todos os cantos e cidades. Dá para sentir a energia especial das pousadas, a tranquilidade e segurança como principais prioridades de seu receptivo; compartilhar a natureza passeando, observando, ouvindo, visitando lugares incríveis, todas experiências que trazem bem estar e serenidade.

No Parque Nacional, o Salto de 120 m, a Cachoeira de 80 m, as Corredeiras, os Cannyons I e II, a Cachoeira das Carioquinhas e o Jardim de Maitréya são alguns atrativos. Fora do Parque, temos as Águas Quentes, a Morada do Sol, o Vale das Andorinhas, o Salto do Raizama, o Vale da Lua, as Cachoeiras Almécegas I e Almécegas II, a Cachoeira de São Bento, as Cataratas do Rio dos Couros, a Cachoeira do Rio Cristal, as Cachoeiras dos Anjos e dos Arcanjos, a Água Fria, a Cachoeira do Rio das Almas, o Poço Encantado, o Sertão Zen, as Cachoeiras do Rio Macaco, o Território Kalunga, o Lago da Serra da Mesa, a Bocaina do Faria, a Cachoeira da Neves, o Mirante do Pouso Alto, os Alpes Goianos, as Cachoeiras do Santana, a Cachoeira da Ave Maria, a Morada do Sol, a Pedra Escrita, a Cachoeira das Pedras Bonitas, a Ponte de Pedra. Difícil dizer qual o mais lindo, o mais agradável.

A estrutura de recepção de visitantes está preparada para a chegada de até duas mil pessoas por semana; nos fins de semana, em alta temporada, recebe esse número de visitantes. E com conforto; as operações fazem com que não se tenha tempo de querer mudar, sentimo-nos plenos e satisfeitos quando estamos aqui, pela oferta de serviços e opções de trilhas.
 

TOPO